Por: Jornal Sul Brasil | 27/08/2020

Após confirmar, na última semana, o retorno das atividades das categorias de base, a Associação Chapecoense de Futebol promoveu, na tarde da última quarta-feira dia 26, a reapresentação dos atletas e das comissões técnicas do Sub-17 e do Sub-20. O ato que marcou o retorno foi realizado no Centro de Eventos, em momentos distintos para cada categoria, a fim de cumprir com os protocolos de segurança e distanciamento, e contou com a presença de diretores e vice-presidentes da agremiação verde e branca.

Após a recepção, os atletas receberam as boas-vindas do Diretor de Futebol das categorias de base, Márcio Stakonski, que afirmou que, apesar da pandemia, acredita que com muito trabalho e dedicação será possível realizar uma boa campanha e colher frutos dos bons desempenhos – a exemplo do que aconteceu na última temporada.

Além disso, os jogadores assistiram vídeos institucionais de momentos emblemáticos da Chapecoense – a fim de conhecer mais sobre a história e despertar, ainda mais, a essência e a identidade do clube – e foram orientados sobre os cuidados que deverão ser tomados tanto nas próprias residências quanto nas dependências do clube. Eles já passaram pela testagem para Covid-19 e todos os resultados foram negativos.

Na temporada em que a Chapecoense atingiu números expressivos em relação à utilização da base na equipe principal, o discurso direcionado aos “Crias do Condá” foi focado na valorização da oportunidade que estão recebendo e de como devem aproveitar a estrutura e os profissionais oferecidos pelo clube a fim de se tornarem, além de atletas, cidadãos exemplares e de sucesso.

Em nome de toda a diretoria alviverde, Sadi José Morgan – Diretor das Categorias de Base – destacou a alegria pelo retorno dos atletas e afirmou o comprometimento do clube para que todos os cuidados e protocolos sejam cumpridos nesta retomada. “Hoje, depois de cinco meses, conseguimos trazer os meninos de volta. A nossa equipe de comissão da base teve um trabalho muito importante nesses dias para montar um calendário de trabalho, para estabelecer os cuidados que deverão ser seguidos pelos atletas no dia-a-dia, nos treinamentos, na alimentação, quando eles estiverem em casa, de modo que essas regras sejam seguidas e os cuidados sejam redobrados”.

Por fim, os jogadores conheceram, oficialmente, os profissionais Luther Eduardo Bissacot e Dennys Dilettoso Bellard, que assumirão, respectivamente, a coordenação geral e a coordenação técnica do departamento de base. “Eles vão ter um tempo para programar o nosso trabalho, principalmente para o próximo ano, quando o trabalho de todas as categorias será retomado. Eu acredito que essas duas pessoas que vieram agora, aliados a toda a equipe que a gente já tem, vão agregar muito e que a base da Chapecoense só tem a ganhar com isso”, pontuou Morgan.