Por: Jornal Sul Brasil | 14/04/2020

O mês de abril registra em Chapecó a sexta alta consecutiva do custo do cesto de 57 produtos básicos. O valor passou de R$ 1.395,34 e para R$ 1.458,63, o que dá uma diferença de R$ 63,29 para o consumidor, ou 4,54% a mais sobre o mês passado. Já a cesta básica de 13 produtos teve aumento de 3,61%, de R$ 320,60 para R$ 332,17.

A pesquisa, realizada mensalmente pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó, em parceria com o Sicom, ocorreu nos dois primeiros dias deste mês, em 10 estabelecimentos comerciais da cidade.

O produto com maior aumento, e que foi expressivo, é a cebola, em 70,56%. A maior redução de custo foi na alface, de 17,50%. Entre os subitens, a maior elevação foi nos serviços tarifados, de 6,76% em comparação a março, principalmente em decorrência da majoração no custo da água, que aumentou 15,40%.