Por: Jornal Sul Brasil | 1 mês atrás

A chegada de um período inédito para a sociedade atual, causado pela contaminação do Coronavírus, mudou rapidamente a rotina diária da maioria da população e sobretudo das famílias e crianças que possuem suas vidas ligadas a uma instituição educativa. O isolamento social e a necessidade de cuidados extremos para evitar o contágio, levaram ao cancelamento das aulas e por consequência a reorganização dos processos educativos para que fosse possível a continuidade das ações e a manutenção do contato e vínculo na tríade criança, escola e família.

Na Educação Infantil da Rede Municipal de Chapecó, essa reorganização vem acontecendo de maneira processual, considerando os indicativos recebidos das famílias, crianças, professores, gestão e comunidade escolar.

Nesse sentido, inicialmente as atividades não presenciais foram encaminhadas por meio de postagens no site da Prefeitura Municipal e posteriormente iniciou-se os encontros pela plataforma GoogleMeet, tais ações atendem aos objetivos elencados na Proposta de Atividades não presenciais para alunos da Rede Municipal de Chapecó – SC.

Contudo, apesar das adversidades deste momento, é possível somar aspectos positivos e buscar estratégias que possibilitem aos professores maior contato afetivo com crianças e famílias.

A partir de formação específica os professores passaram a organizar encontros on-line semanais, realizados com o envolvimento de todos os profissionais da instituição, bem como de famílias e crianças. Tais encontros priorizam momentos lúdicos, de diálogo, interações e brincadeiras como forma de manter vínculos, estreitar laços afetivos e ainda, para acompanhar o processo de desenvolvimento e aprendizagem das crianças.

Para Caroline Prusch Rauschkolb, mãe da criança Bernardo Rauschkolb que frequenta o grupo etário das crianças pequenas no CEIM Pequeno Príncipe, os encontros on-line demonstram “o empenho redobrado dedicado aos nossos filhos e seus alunos. Parabéns pela iniciativa de fazer os encontros on-line. O Bernardo ficou muito animado com esta possibilidade remota de rever seus colegas e professores”.

Os encontros on-line seguem até dezembro como forma atender as demandas legais de cumprimento do calendário escolar e qualificação das práticas pedagógicas desenvolvidas neste momento de pandemia.