Por: Jornal Sul Brasil | 23/04/2020

Na tarde do dia 22 de abril, após recebimento de denúncias, Policiais Civis da 3ª DP/DRCA, dirigiram-se até a residência do suspeito, a fim de verificar a prática do crime de maus-tratos contra animais.

Chegando ao local, de imediato, constatou-se a situação flagrancial, pois o cachorro estava em situação lamentável – extremamente magro, com feridas e vivendo em meio às fezes.

Além disso, o suspeito não atendeu às solicitações dos policiais para que saísse do interior da residência, fazendo uso de uma criança, sua filha, com apenas 6 anos de idade, como interlocutora com os policias.

Assim, foi necessário adentrar no local pulando o muro. No interior da casa estava o autor dos crimes consumindo maconha.

Considerando a posse da droga, a exposição da criança sob sua guarda a constrangimento, bem como o delito de maus-tratos, o homem acabou preso em flagrante.

O cachorro submetido a maus-tratos foi resgatado por voluntárias e encaminhado para tratamento veterinário.