Por: Jornal Sul Brasil | 15/10/2020

A reportagem do Diário SB acompanhada pelo diretor André Luiz Rosa foi recebida nesta quarta-feira pelo candidato a prefeito de Chapecó João Rodrigues na sede PSD. João faz parte da coligação Chapecó Acima de Tudo que reúne PSD, PP, PL, PSC, PROS, Republicanos e DEM sendo seu candidato a vice Itamar Agnoletto (PP).

Em conversa João explicou a necessidade imediata de agilizar a abertura de empresas, reduzir a burocracia dentro da prefeitura para assim ajudar na retomada da economia chapecoense, pós-pandemia. “Temos hoje dois bilhões em obras que estão paradas esperando liberações, queremos que a prefeitura somente fiscalize as obras, para que assim elas possam ser feitas e movimentar a nossa economia,” defendeu. Como meta João quer ainda instituir o Alvará Fácil onde o empreendedor consiga abrir seu negócio de imediato e a prefeitura ofertará prazo para que ele se integre as necessidades previstas em lei.

“Queremos fazer um distrito industrial na região do Efapi e ampliar a estrutura do atual. Vamos ainda criar um parque tecnológico para abrigar empresas voltadas a tecnologia como startups e provedores de internet,” garantiu.

Sobre infraestrutura João defendeu que Chapecó precisa de duas usinas de asfalto, uma fixa, para pavimentação no perímetro urbano e outro móvel para auxiliar na pavimentação em bairros mais afastados. “Queremos fazer asfalto em todo o perímetro urbano de Chapecó, inclusive em áreas mais carentes, onde a prefeitura ofertará subsídios, e asfaltar ainda 100% do perímetro urbano do Marechal Bormann” diz.

O candidato disse ainda que vai trabalhar para construir o elevado da bandeira, na entrada de Chapecó pela BR 282, implantar ciclovias e criar mais uma via de acesso ao bairro Efapi.

Na saúde João quer construir um Centro de Saúde no Efapi com atendimento de médicos clínicos gerais e especialistas e em parceria público-privada criar uma unidade de exames laboratoriais e de imagem para atender a população do bairro e assim evitar a necessidade do deslocamento. Defendeu ainda a informatização e interligação das unidades de saúde e a retomada dos mutirões de cirurgias eletivas.

Na educação João defende a recuperação das escolas parques de período integral, a construção da nova Chapecó Criança e ampliação das vagas em creches.

Na agricultura o candidato quer trabalhar na manutenção das estradas, equipar a subprefeitura do Bormann com maquinários e retomar a Patrulha Agrícola Mecanizada, além de oferecer ajuda para o cuidado dentro da propriedade com o acesso para o escoamento da produção. Na questão da água no interior, disse ser importante trabalhar para tratar a água de superfície, criar reservatórios e onde for necessário fazer poços artesianos.

Na questão da falta de água na área urbana. João afirmou que vai exigir da Casan o cumprimento do contrato e que a mesma faça a captação de água para abastecer Chapecó do Rio Uruguai usando energia fotovoltaica para alimentação dos equipamentos, e disse que em caso de quebra de contrato vai municipalizar a água.