Por: Jornal Sul Brasil | 05/10/2020

Santa Catarina encerra mais um mês com resultados positivos na economia. A arrecadação de setembro foi de R$ 2,52 bilhões, crescimento de 7,6% em relação ao mesmo mês no ano passado. De acordo com dados da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC), somente com o ICMS foram arrecadados R$ 2,1 bilhões, alta de 9%.

“Os dados mostram que economia catarinense está reagindo. Tivemos resultados positivos na geração de empregos, com mais de 18 mil novos postos de trabalho em agosto, e também na abertura de empresas. Adotamos medidas para garantir a retomada das atividades econômicas no estado e esse desempenho mostra que estamos no caminho certo”, destacou o governador Carlos Moisés.

O setor que mais cresceu no último mês foi o metalmecânico, com alta de 51,36% na arrecadação em comparação com setembro de 2019. Em segundo lugar, o segmento de materiais de construção, com crescimento de 50,13% e, em terceiro, o agronegócio, com incremento de 34,34%. Já os setores que apresentaram impacto negativo na arrecadação foram o de automóveis, com queda de 17,35% em relação a setembro do ano passado; de energia, com baixa de 13,52%; e o de combustíveis, com decréscimo de 5,86%.

“Muitos setores ainda sofrem com os impactos causados pela pandemia. Trabalhamos para minimizar os efeitos desta crise, com austeridade e responsabilidade nas contas públicas e com planejamento para que nossa economia retome aos patamares do início do ano”, salientou o secretário da SEF/SC, Paulo Eli.