Por: Jornal Sul Brasil | 11/10/2020

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC), elucidou dois homicídios em Chapecó. Em um deles, a vítima foi um homem de 33 anos morto na madrugada de 04 de junho deste ano, no bairro Efapi. O homem apresentava sinais de espancamento – foi morto com pedaços de pau e pedras.

A investigação dos policiais civis apontou que o homicídio foi praticado por quatro pessoas, sendo três homens e uma mulher. A motivação, a princípio, teria sido ciúmes e também o tráfico de drogas. Três homens foram presos em setembro e um deles segue foragido. Eles negaram o crime. O inquérito foi concluído e enviado ao Judiciário.

O outro homicídio esclarecido pela Polícia Civil foi de um homem de 20 anos. Este crime ocorreu no dia 9 de julho de 2019, na Linha Scussiato, interior de Chapecó.

As investigações apontaram que o crime foi praticado por três homens com idade entre 22 anos e 29 anos. Os suspeitos faziam parte do círculo de amizade da vítima e montaram uma estratégia para levá-la até o local onde aconteceu o fato.

Eles foram indiciados por homicídio qualificado, onde a vítima não teve chance de defesa, e já estão na Penitenciária de Chapecó. Com o esclarecimento deste caso, apenas um homicídio ocorrido no ano passado ainda continua em investigação, mas já conta também com indícios concretos de autoria.