Por: Jornal Sul Brasil | 16/10/2020

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Roubos e furtos de Chapecó – DRF/FRON, prendeu, preventivamente, na tarde de hoje, dia 16 de outubro, um homem de 35 anos que, juntamente com outros dois suspeitos, subtraiu, no dia 15 de agosto, um caminhão trator, avaliando na importância de R$300.000,00 (trezentos mil reais).

No dia 15 de agosto do presente ano, o suspeito, acompanhado de outro investigado, compareceu em um determinado posto de combustíveis, local no qual o veículo estava estacionado, oportunidade em que violou o sistema de rastreamento do caminhão.

Na tarde daquele mesmo dia, o suspeito, acompanhado do mesmo investigado acima referenciado, voltou ao posto de combustível, oportunidade em que subtraíram o supracitado caminhão.

Apenas no dia 17 de agosto, os responsáveis pelo veículo tomaram conhecimento do furto, isso, em razão de não terem sido alertados pela empresa de rastreamento.

Ciente da infração penal, a Autoridade Policial, conjuntamente com os Policiais Civis lotados no setor de investigação, passaram a colher elementos de informação que pudessem apontar a autoria do crime.

Após análise das imagens do sistema de videomonitoramento do posto de combustível, bem como outras diligências de natureza sigilosa, logrou-se êxito na identificação dos 03 (três) suspeitos do crime de furto qualificado.

Diante dos elementos probatórios, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva dos investigados, oportunidade em que foi deferida pelo Poder Judiciário.

Na tarde de hoje, a Autoridade Policial e os polícias civis, obtiveram êxito no cumprimento da prisão de um dos suspeitos, que estava no local de trabalho.

Os outros 02 (dois) investigados que tiveram contra si, mandado de prisão preventiva expedido, no mês de setembro, estão foragidos desde o final do mês passado.

Os suspeitos foragidos são dotados de histórico criminal vasto, incoerentes nos crimes de receptação, porte de arma de fogo, furto e um deles por estupro e tentativa de homicídio.

Outras diligências estão sendo realizadas na tentativa de recuperar o caminhão objeto do crime, bem como a prisão dos demais investigados.

O investigado preso foi conduzido para o sistema penitenciário, local em que permanecerá à disposição da justiça. O inquérito policial será finalizado nos próximos dias.