Por: Jornal Sul Brasil | 1 mês atrás

Na tarde de quarta-feira, 8, uma guarnição PM estava em patrulhamento no bairro Líder, quando avistou um motociclista chegando em frente a uma casa, os policiais reconheceram o condutor como um foragido da Justiça. Esse condutor, ao perceber a presença da viatura, largou a motocicleta e correu para dentro da casa e se escondeu, a moradora foi questionada e disse que não havia mais ninguém na casa, no entanto os policiais logo localizaram o foragido e o prenderam.

Durante os procedimentos policiais, a mulher começou demonstrar ansiedade e nervosismo, situação que gerou uma fundada suspeita, somando isso o fato de que na casa já haviam sido localizadas drogas e arma de fogo em data anterior, a guarnição solicitou apoio do Canil, em buscas o cão Royce indicou presença de entorpecentes no quarto da mulher, lá foi localizada uma bolsa feminina e dentro dela duas buchas grandes de cocaína, num total de 60 gramas e mais uma balança de precisão.

Já embaixo do colchão foi localizado dinheiro em espécie R$2.660,00 que suspeita-se ser proveniente de tráfico e na cozinha outra balança grande, sendo que nas duas balanças havia resquícios aparentemente de cocaína. Foi também apreendido o telefone celular da mulher, que será arrolado no inquérito para investigação, com possíveis transações de drogas ali.

Ainda, na cozinha da casa foi encontrado um animal silvestre – papagaio – sem documentação legal. O mandado de prisão ativo era expedido pela comarca de Foz do Iguaçu/PR – crime tráfico de drogas. Diante dos fatos, o homem e a mulher foram conduzidos a Polícia Civil juntamente com os objetos apreendidos.

A mulher tem 51 anos e o homem 22 anos, a motocicleta foi removida ao pátio por questões administrativas, o papagaio ficou aos cuidados do 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental.

Quanto ao relacionamento dos dois, a mulher alegou que o conhece de vista faz tempo, que ele havia estudado com o filho dela antigamente.