Por: Jornal Sul Brasil | 14/02/2021

O presidente Jair Bolsonaro, que está fazendo uma visita a Santa Catarina, no Litoral Norte, ligou para o prefeito de Chapecó, João Rodrigues, oferecendo apoio do Governo Federal no enfrentamento da Covid-19.

“O presidente Bolsonaro me ligou, conversamos, ele me pediu o que preciso em Chapecó, eu apontei algumas necessidades, e ele me disse que tudo o que eu precisar o governo vai providenciar e o pessoal do Ministério da Saúde estará entrando em contato conosco. É uma ação muito forte no sentido de abrir mais leitos de UTI e de enfermaria”, disse Rodrigues.

Em transmissão via redes sociais, neste domingo, João Rodrigues e o diretor do Hospital Regional do Oeste, Osmar de Oliveira, acompanhados dos diretor técnico da Secretaria de Saúde, João Lenz, disseram que a intenção é colocar em funcionamento mais 28 leitos no Hospital Regional do Oeste. O Hospital já tinha 35 leitos e, graças aos 15 respiradores enviados pela secretaria de Saúde do Estado, já ativou mais cinco e outros respiradores foram utilizados em leitos em outros setores do hospital, somando 63 leitos de UTI em funcionamento.

Chapecó já teve que transferir 121 pessoas para leitos de UTI em outros hospitais. A ação para aumentar leitos tem como objetivo evitar essas transferências. Além disso foram tomadas outras ações para diminuir o contágio, como fechamento de bares e suspensão de aulas presenciais.

Nesta segunda-feira o secretário de Saúde do Estado, André Motta Ribeiro, e o chefe da Casa Civil, Eron Giordani, virão a Chapecó para montar um Gabinete de Crise, ampliando as ações de enfrentamento da pandemia.