Por: Jornal Sul Brasil | 23/11/2020

Quais documentos são necessários para abertura de um negócio como microempreendedor individual (MEI)? Qual é o limite anual de faturamento? Esse valor é proporcional ao período de formalização da empresa? Como realizar a consulta prévia de endereço e atividade que se deseja exercer? É possível solicitar inscrição como MEI e manter vínculo empregatício com carteira assinada? Quais os benefícios previdenciários do MEI?

Essas são dúvidas frequentes de quem deseja ser dono do próprio negócio. Para esclarecer esses e outros questionamentos sobre a modalidade, a Sala do Empreendedor de Chapecó disponibilizou nesta segunda-feira dia 23 um link no site da  Prefeitura (https://www.chapeco.sc.gov.br/) para concentrar as informações e facilitar o acesso. O serviço de apoio ao setor empresarial faz parte do Programa Cidade Empreendedora, executado pelo Sebrae/SC desde 2017 no município.

A proposta estava em elaboração desde de agosto deste ano e foi fomentada após o município receber os resultados da Pesquisa de Satisfação do Atendimento da Sala do Empreendedor de Chapecó, realizada pelo Sebrae/SC. “O último levantamento de cliente oculto revelou que o único ponto negativo do atendimento remoto aos empresários e para quem deseja empreender era a ausência de um local virtual que centralizasse todas as informações sobre MEI. Imediatamente começamos a trabalhar nessa plataforma dentro do site da Administração Municipal para centralizar todas as informações”, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Arthur Badalotti Smaniotto.

Histórico da pesquisa

A pesquisa foi feita entre 8 a 26 de junho, por meio de entrevistas telefônicas com pessoas atendidas pela Sala do Empreendedor no município. No total foram 365 respostas válidas, que representam nível de confiança de 95% e erro amostral de 5%. A análise considerou a transformação das respostas por uma escala Likert com cinco posições em nota de zero a dez para facilitar a leitura e a comparação entre os 11 municípios catarinenses da categoria Ultimate do Programa Cidade Empreendedora.

A Sala do Empreendedor de Chapecó foi destaque pelo domínio do conhecimento dos servidores municipais que repassam orientações e esclarecimentos aos empresários locais. Outros destaques do serviço chapecoense são: avaliação positiva do espaço físico; a qualidade do atendimento prestado e a satisfação do atendimento. Ainda conforme o levantamento, 65,88% dos gestores empresariais ao se depararem com desafios em seus negócios ou com dúvidas sobre os procedimentos legais buscam como auxílio, primeiramente, a Sala do Empreendedor.