Por: Jornal Sul Brasil | 13/04/2020

O Sebrae/SC iniciou nesta segunda-feira dia 13, a segunda edição da pesquisa que monitora o cenário dos pequenos negócios catarinenses durante a crise do Coronavírus. A pesquisa tem como objetivo entender os impactos da crise nas micro e pequenas empresas, principalmente em relação ao faturamento e empregos. Para participar, os empresários podem acessar o site e responder ao questionário. A coleta de dados será feita até esta terça-feira dia 14, às 23h59.

De acordo com a gerente de mercado do Sebrae/SC, Soraya Tonelli, nesta edição a pesquisa trará também o recorte específico de algumas cidades do Estado. “Na edição divulgada na primeira semana de abril, trouxemos apenas o recorte do Estado e da Capital. Agora, buscamos entender os impactos nas cidades de Florianópolis, São José, Criciúma, Tubarão, Joinville, Jaraguá do Sul, Blumenau, Itajaí, Chapecó e Lages. Os resultados serão divulgados nesta quarta-feira dia 15”, explica Soraya.

O Sebrae/SC ressalta que os dados são sigilosos e não serão divulgados ou usados de maneira individual.

A primeira edição apontou que até o dia 29 de março, cerca de 148 mil pessoas tinham perdido o emprego em Santa Catarina e o faturamento dos pequenos negócios tinham registrado uma perda bruta de R$ 4,4 bilhões.

 

Fonte: Sebrae/SC